quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Rabada com Polenta - Ciranda de Receitas

Ela ciranda, tu cirandas e eu também cirando. Simples Assim!
E essa 'cirandada' por aí, me trouxe um receita espetacular da querida Lylia do Simples Assim.
Gente vou contar um segredo: minha carne favorita é rabada. E só de pensar nesta receita fico salivando.
Mas vamos deixar de conversa.
Então bora pra cozinha que hoje tem rabada! Simples Assim.

“ Esse é digno do Boteco da Fê”.
Agora, com licença, que vou “botecar” com a Fê e depois cirandar por aí, pois tem muita comida rolando nesta animada Ciranda de Receitas.
Rabada do Lipel – do jeitinho que ele me ensinou
Ingredientes:
·       4 peças de rabo bovino - o ideal é uma peça para quatro pessoas
·       Cebola à gosto - coloquei 4 médias
·       Alho à gosto - coloquei 8 dentes de alho
·       6 maços de agrião fresco
·       3 copos de vinho tinto para temperar
·       2 latinhas de cerveja
·       Farinha de milho
·       Azeite à gosto
·       Salsa e cebolinha à gosto
·       Óleo de canola
·       Sal
·       Pimenta do reino branca moída na hora - à gosto
·       2 colheres (sopa) de molho de soja
Como fazer:
·      Corte os pedaços da rabada , tire o excesso de gordura  e coloque em uma panela grande com água fervente , suco de 2 limões e 1 copo de vinagre.
·       Esse processo ajuda a tirar, ainda mais, a gordura.
·       Depois que mudar de cor, retire da panela e reserve.
·      Corte a cebola e o alho em pedacinhos, acrescente o  sal, a pimenta e o vinho.
·       Coloque a rabada nesse tempero por 24 horas.
·       Pique a cebola em pequenos pedaços
·     No dia seguinte, levante com bastante disposição e pense na alegria dos seus convidados que irão saborear uma comida "dos deuses".
·       Já na cozinha, peque uma panela de alumínio grande e comece colocando o óleo aos poucos Quandro o óleo já estiver bem quente, coloque os pedaços maiores da rabada e deixe-os dispostos no fundo. Esse processo é demorado, pois você tem que colocar a carne aos poucos, senão solta muita água.
·       Vá dourando até que ela fique bem tostadinha.
·      À medida que vai dourando, retire da panela e coloque outros pedaços. Se precisar, coloque mais óleo.
·         Repita o processo até terminar todos os pedaços.
·      A seguir, em uma - ou duas panelas - panelas de pressão vá dispondo as carnes fritas e coloque   1 xícara de café de azeite de oliva, 2 folhas de louro e adicione água quente até cobrir as carnes.
·       Feche a panela e deixe cozinhar por 50 minutos.
·     Depois desse tempo abra a panela, tomando todas as precauções de segurança, e sinta a textura e a maciez da carne, espetando um garfo.
·         Deverá estar quase macia.
·         Nessa hora, coloque a cerveja, complete com um pouco mais de água quente e feche a panela e deixe  cozinhar por mais 50 minutos.
·      Passado este tempo, deixe sair a pressão, abra a panela novamente e teste novamente a maciez da  carne.
·         Deixe esfriar até que a gordura suba e você possa tirá-la com uma colher
·         Por isso, o ideal é que seja feita de véspera, pois você deixa na geladeira uma noite e no dia seguinte   a gordura endurece e fica bem fácil de tirar.
·      Quase no final, coloque por cima da carne as folhas do agrião, reservando uns dois maços para a      arrumação do prato.
·         Mexa de vez em quando para não grudar.
 Enquanto isso aproveite para fazer a polenta.
·         Em uma panela grande coloque dois litros de água e deixe ferver.
·         Adicione 2 colheres de manteiga e 2 colheres de chá de sal.
·         Mexa bem e vá colocando 2 xícaras de fubá lentamente, mexendo sempre para não embolotar.
·         Este é o segredo: não parar de mexer.
·         Se gostar mais mole, adicione mais água quente. Prove o sal e acrescente mais, se necessário.
·         Coloque em uma travessa e espalhe bastante queijo parmesão ralado.
·         Bom apetite

6 comentários:

  1. Oi, Fê!
    Vim do Simples Assim e gostei demais da sua receita, já levei pra mim...
    Sabe que comi rabada uma única vez na vida? Sim, foi num restaurante em São Paulo, mas a porção era tão mínima que nem senti o gosto direito. kkkkk

    Beijos
    Alê

    ResponderExcluir
  2. Oi Fê, que receita boa que a Lylia trouxe, já que não como rabada, fico super satisfeita com essa gostosa polentinha, adoro!! Gostei muito da sua panqueca também, super suculenta e tem banana que eu amooo!! Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Olá, Fê!
    Acredita que não como nem rabada nem polenta? Talvez não tenha experimentado ainda uma boa rabada. Quanto à polenta, já tentei, mas não consigo. Meu filho adora polenta cremosa com molho funghi.
    Bjs.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  4. Que alegria estar no seu blog que tanto gosto, Fê! Obrigada pelo carinho!
    Bj e ótimo fim de semana,
    Lylia

    ResponderExcluir
  5. Adorooo polenta com rabada, e nunca fiz em casa. Preciso corrigir essa grave falha. Suas falsas panquecas são um achado, uma receita diferente e muito prática, preciso testar também :) Beijos!!!

    ResponderExcluir
  6. Tá aí algo que nunca comi, rabada, mas parece bom e com polenta deve ser sim!rs
    Bjo

    ResponderExcluir

Olá, que bom receber a sua visita.
Fique a vontade para deixar seu comentário e voltar quando quiser.
Beijo grande
Fê Dayrell