segunda-feira, 29 de junho de 2015

Suflê de Abobrinha

Por aqui os dias andam tão frios quanto as noites e o corpo pedindo comidas mais quentes e substanciosas. 
Resultado? Nada de salada. Para esquentar essa segunda, que promete ser fria, que tal um suflê de abobrinha? 
Você vai se surpreender com o sabor.
Então bora pra cozinha que este suflê não pode esperar.
Você vai precisar:
02 abobrinhas grandes
azeite virgem
01 dente de alho picadinho
sal a gosto
03 ovos inteiros
01 xícara de chá de farinha de trigo
1/2 xícara de chá de óleo
01 cebola pequena
salsinha ou cebolinha picada a gosto
01 colher de sopa de fermento em pó
Queijo parmesão a gosto (usei com provolone, muçarela curtida no vinho)
Modo de fazer: Lave e higienize as abobrinhas. Após corte em rodelas finas.
Leve uma panela grande de fundo grosso ao fogo coloque 01 colher de sopa de azeite deixe esquentar. Acrescente o alho, assim que o alho começar a dourar adicione as abobrinhas e refogue por 04 minutos mexendo sempre. Polvilhe sal e desligue.
Unte com azeite uma vasilha que possa ir ao forno, coloque a abobrinha no fundo, por cima o queijo.
No liquidificador bata os ovos, a farinha de trigo, o óleo e uma pitada de sal.
Desligue o liquidificador, acrescente a salsa ou a cebolinha e o fermento em pó. Mexa delicadamente.
Jogue a massa por cima da abobrinha.
Leve ao forno médio pré-aquecido e asse até ficar dourado (aqui em casa ficou no forno por 30 minutos, pode ocorrer variações de tempo de forno para forno).

Dica: Se preferir pode ralar a abobrinha em ralo grosso, neste caso refogue por 02 minutos apenas.

sexta-feira, 19 de junho de 2015

Ovinhos Butequeiros

Sexta feira já começa com a cabeça no final do expediente e na cerveja gelada.
Então bora pra cozinha que tá chegando a hora de abrir o buteco
Você vai precisar:
18 ovos de codorna
mix de ervas desidratadas a gosto (use salsa, orégano, alho, pimenta calabresa e tomate seco)
azeite extra virgem a gosto
Modo de fazer: Cozinhe os ovos de codorna em água. Escorra, deixe esfriar e descasque.
Coloque os ovos em vasilha coloque as ervas e regue com azeite (+/- 03 colheres de sopa) deixe descansar em geladeira por 20 minutos antes de servir.

Dica: Para ajudar a retirar a casca dos ovos mais facilmente coloque ½ xícara de café de vinagre branco na água para cozinhar os ovos.

quarta-feira, 17 de junho de 2015

Costela de Boi Assada na Brasa

Eu adoro costela de boi e estou sempre procurando novas formas de fazer.
Dia desses testei fazer assada em papel alumínio na churrasqueira e gostei muito do resultado.
Ficou suculenta e macia. Tão boa que não deu tempo de tirar foto dela pronta, rsss.
Então bora pra cozinha que esta vale a pena.
Você vai precisar:
1,5 kg de costela bovina picada
sal groso
05 dentes de alho inteiros
01 cabeça de alho
02 pimentas dedo de moça
01 pitada de alecrim
01 fio de azeite
papel alumínio
Modo de fazer: Separe um pedaço grande de papel alumínio e dobre 3 vezes, deixando de um tamanho que dê para colocar a carne e envolvê-la toda como se fosse um embrulho.
Disponha a costela no centro, polvilhe o sal grosso (usei 2 colheres de sopa rasa), acrescente os dentes de alho e as pimentas inteiras. No meio coloque a cabeça de alho inteiro (retire apenas a ‘tampa’), polvilhe sal grosso na cabeça de alho, coloque o alecrim e regue tudo com um fio de azeite. Feche o papel alumínio fazendo um embrulho.
Coloque na churrasqueira e deixe até assar.
Dica: Aqui em casa verifiquei com 30 minutos e fui verificando de 05 em 05 minutos para que a carne ficasse assada e não perdesse a suculência.

Pode assar no forno convencional.

sexta-feira, 12 de junho de 2015

quarta-feira, 10 de junho de 2015

Costelinha de Porco a Moda Thai acompanhada de Arroz Jasmim com Leite

Dia dos namorados chegando e você pensando em fazer um jantarzinho a dois, mas sem nenhuma ideia do que preparar? 
Eu já pensei para você! Que tal uma receita cheia de sabor e ainda por cima afrodisíaca?! 
... sabia que ia gostar.
Então bora pra cozinha que o amor está no ar.
Você vai precisar:
Para 02 pessoas
04 pedaços de costelinha de porco bem carnudos
sal e pimenta do reino a gosto
Molho Thai
01 colher de sopa de óleo de gergelim
01 colher chá de gengibre ralado
01 dente de alho picadinho
02 colheres de sopa de cebola roxa picadinha
01 colher de chá de capim-limão em rodelinhas finas
01 colher de sopa de açúcar mascavo
01 colher de sopa de shoyu
01 colher de sopa de vinagre de arroz
suco de 01 limão
1/2 xícara  de chá de leite de coco
01 pimenta dedo de moça picadinha ou a gosto
sal a gosto
Arroz Jasmim com Leite 
01 xícara de chá de arroz de jasmim
1 e 1/4 xícara de chá de leite 
1 e 1/4 xícara de chá água
01 folha de louro
sal a gosto
Modo de fazer: Tempere a costelinha com sal e pimenta do reino. Reserve.
Leve uma panela  ao fogo e aqueça o óleo de gergelim e junte o gengibre, o alho, a cebola e o capim limão, mexa sem parar, quando o alho começar a dourar (não deixe queimar senão amarga), acrescente o açúcar, o shoyu o vinagre e o suco de limão. Deixe ferver em fogo baixo, adicione o leite de coco, a pimenta e o sal espere 1 minuto e retire do fogo. Reserve.
Coloque uma frigideira, de fundo grosso e que possa ir ao forno, no fogo, deixe esquentar, regue com um fio de óleo e coloque a costelinha, deixe 03 minutos de um lado, vire e deixe mais 03 minutos do outro lado. Coloque a frigideira no forno aquecido até atingir o ponto desejado (aqui em casa deixei 15 minutos no forno).
Retire as costelinhas do forno e coloque no molho. Reserve.
Arroz Jasmine com Leite: Coloque todos os ingredientes numa panela e leve ao fogo alto, mexendo sempre até ferver. Após ferver coloque no fogo baixo, tampe a panela e deixe cozinhando até que todo o líquido tenha sido absorvido. Cuidado para não queimar, mexa o arroz uma vez ou outra. Depois que o arroz estiver pronto, retire do fogo e espere 10 minutos antes de servir.
Dica: O molho thai é adocicado, mas o sal deve se fazer presente.

Pode substituir a costelinha por tiras de frango ou tiras de lombo.

segunda-feira, 8 de junho de 2015

Salada Mista

Porque às vezes a gente só quer uma saladinha simples assim.
Então bora pra cozinha hoje é dia de comida simples.
Você vai precisar:
½ maço de rúcula
01 miolo de alface pequeno
01 cebola branca em rodelas finas
02 tomates picados em meia lua
suco de 01 limão
sal e pimenta do reino a gosto
azeite extra virgem
Modo de fazer: Lave e higienize as folhas de alface, rúcula e o tomate.
Pique os tomates e as cebolas. Reserve.
Depois de enxugar as folhas de alface e rúcula, rasque-as grosseiramente, misture e coloque metade em uma saladeira, acrescente metade dos tomates e das cebolas, coloque o restante do alface e da rúcula, dos tomates e cebola.
Na hora de servir regue com suco de limão, sal, pimenta do reino moída e azeite.

Dica: Pode usar as folhas da sua preferência e se quiser variar acrescente cenoura ralada.

sexta-feira, 5 de junho de 2015

Tiras de Picanha

Porque buteco no meio do feriado tem que ser de ‘responsa’.
Então bora pra cozinha que a cerveja ‘tá trincando’.
Você vai precisar:
400 gramas de picanha picada em tiras
01 dente de alho
Sal e pimenta do reino a gosto
01 cebola pequena em rodelas
óleo

Modo de fazer: Soque o alho com o sal (1/2 colher de sopa rasa) e a pimenta do reino. Após limpar e picar a picanha, tempere com o alho socado com sal e deixe descansar por 20 minutos.
Coloque um frigideira de alumínio batido com o fundo grosso ou em uma chapa de ferro no fogo e deixe esquentar bem, quando estiver quente coloque 01 colher de sopa de óleo e a carne. Deixe a carne, sem mexer, por 03 minutos, vire de lado e deixe mais três minutos, vá repetindo esse processo até a carne chegar no ponto desejado de cozimento.
Quando a carne começar a ‘fritar’ mexa por uns 04 minutos para dourar bem de todos os lados. Acrescente a cebola em rodelas, misture e desligue o fogo.
Sirva acompanhada de farofa de manteiga.

Dica: Pode substituir a picanha por outra carne macia da sua preferência. 

segunda-feira, 1 de junho de 2015

Salada de Catado de Caranguejo com Batatas e as Comemorações do meu Aniversário

Dia 21 de maio fiz 40 anos. E 40 anos merece comemoração (apesar de que eu comemora todos os anos)!
Fiz um almoço aqui em casa para poucas pessoas, mas foi muito bom e especial; e como havia prometido trouxe um pouco da festa para vocês verem.
Trouxe também uma salada que servi de entrada e que foi um dos pontos altos do almoço, seguido pela maravilhosa Paella Caipira feita pela Chef Larrisa Schiavinato.
Então bora pra cozinha que esta salada ficou de comer rezando
Você vai precisar:
(Para 25 pessoas)
01 quilo de catato de caranguejo
3 kg de batatas picadas em cubos médios
01 pimentão amarelo picado em tiras
01 pimentão laranja picado em tiras
01 pimentão verde picado em tiras
200 gramas de azeitonas verdes fatiadas
200 gramas de azeitonas pretas fatiadas
05 dentes de alho picadinhos
05 colheres de sopa de azeite virgem
sal e pimenta do reino a gosto
azeite extra virgem
cebolinha e salsa picada a gosto
Modo de fazer: Higienize e pique os pimentões, reserve.
Descasque as batatas e cozinhe com água com sal.
Leve uma frigideira bem larga (usei uma de 45 cm) ao fogo alto e deixe aquecer, coloque o azeite e o alho, assim que o alho começar a dourar acrescente o catado de caranguejo e misture para envolver no azeite e alho, adicione o sal e a pimenta do reino moída. Retire do fogo e reserve.
Escorra as batatas e com elas ainda quente incorpore ao catado de caranguejo, acrescente os pimentões, as azeitonas, a salsa e a cebolinha. Misture todos os ingredientes e regue com azeite extra virgem a gosto. Retifique o sal, se necessário.
Dica: O ponto de cozimento das batatas é al dente.
Pode fazer a mesma receita substituindo o catado de caranguejo por presunto picado, tender, frango desfiado, bacalhau.

Um pouco do almoço para você: