quarta-feira, 28 de maio de 2014

Creme Rústico de Palmito e Provolone

Nesse frio o corpo clama por uma comida quentinha e reconfortante e para mim é sinônimo de sopa.

Vou contar um segredo, quando eu vejo um ingrediente o meu primeiro pensamento é 'será que daria uma sopa gostosa?' 

Com esse palmito não foi diferente, meu pai ganhou de um amigo palmito in natura e eu logo já pedi um pouco porque pensei que poderia render uma bela sopa. 

E eu não estava enganada o palmito, além de um gratinado que outro dia trago para vocês, rendeu um creme quentinho saboroso e reconfortante.

Então bora pra cozinha que o frio está pedindo.


Para 04 pessoas

03 xícara de chá de palmito in natura já descascado e picado em rodelas
02 colheres de sopa de azeite
02 dentes de alho espremidos
01 cebola pequena picadinha
300 ml de creme de leite fresco
sal e pimenta do reino a goto
queijo provolone ralado a gosto

Modo de fazer: Lave o palmito e deixe escorrer bem.

Em um panela de fundo grosso coloque o azeite e a cebola assim que a cebola ficar transparente acrescente o alho e deixe até começar a dourar. Adicione o palmito e refogue por uns 2 minutos, coloque sal, pimenta do reino e coloque 200 ml de água para cozinhar. Se necessário vá colocando água aos poucos até cozinhar o palmito.

Coloque o palmito com o caldo do cozimento no liquidificador, acrescente  o creme de leite e bata.

Volte com o creme para a panela, acerte o sal e deixe ferver. Sirva bem quente com queijo provolone ralado por cima.

DicaEu usei palmito in natura esse que a gente compra com em pau nas feiras livres, mas pode usar palmito em conserva.  


segunda-feira, 26 de maio de 2014

Salada de Arroz Negro em Caponata de Abobrinha

Que segunda-feira é dia de salada todo mundo já sabe, mas quem disse que salada precisa ser sem graça e sem sabor?

Então bora para cozinha que hoje tem salada com graça e sabor.


Para 04 pessoas

01 xícara de chá de arroz negro
sal
½ xícara de chá de castanha de caju picada grosseiramente
azeite extra virgem a gosto
02 colher de sopa de aceto balsâmico
01 abobrinha ralada
½ pimentão vermelho picado em cubinhos
02 dentes de alho espremidos
azeitona picada a gosto
½ cebola ralada

Modo de fazer: Cozinhe o arroz negro em água e sal conforme instruções do fabricante. Após cozido escorra e deixe esfriar.

Coloque uma panela com água e sal no fogo assim que ferver coloque a abobrinha ralada, marque 1 minuto e retire. Escorra bem.

Em uma panela coloque 04 colheres de sopa de azeite, o alho e leve ao fogo. Assim que o alho começar a dourar acrescente a cebola frite por uns instantes; coloque a abobrinha ralada misture e deixe por 03 minutos mexendo sem parar, acrescente o pimentão e a azeitonas, misture e desligue. Regue com mais azeite e corrija o sal se necessário. Reserve na geladeira.

Na hora de servir, coloque o arroz negro em uma vasilha acrescente o aceto balsâmico regue com um pouco de azeite e coloque a castanha de caju.

Montagem: No prato ou em uma taça alta faça uma cama com o arroz negro, a caponata de abobrinha por cima regue com azeite. Para decorar use cebolinha e castanha de caju inteira.


Dica: Pode substituir a castanha de caju por amêndoas laminadas ou castanha do pará.

sexta-feira, 23 de maio de 2014

Apertadinho de Carne de Sol

Um tira gosto que não falta aqui no buteco é o apertadinho de carne de sol. 

Então bora pra cozinha que a pedida do dia é carne de sol e cerveja.


500 gramas de carne de sol já dessalgada
01 tomate picado grande
01 cebola roxa picada grande
pimenta do reino a gosto
01 colher de sopa de manteiga
óleo
sal se necessário.

Modo de fazer: Dessalgue a carne de sol por no mínimo 36 horas trocando a água +/- 6 vezes durante esse tempo.

Coloque a carne de sol na panela de pressão e leve ao fogo, assim que começar a chiar marque 20 minutos e desligue. Deixe a pressão sair naturalmente.

Abra, reserve 01 xícara de chá da água do cozimento (descarte o restante), pique a carne em iscas grandes coloque na panela juntamente com a água reservada e deixe cozinhar em fogo baixo até a água secar completamente. 

Quando a água secar e começar a fritar a carne adicione pimenta do reino moída a gosto e verifique se é necessário colocar um pouco de sal. Acrescente a manteiga e um pouco de óleo, deixe a carne fritar por +/-10 minutos mexendo sempre.

Coloque a carne em uma vasilha de servir e por cima o tomate e a cebola.

Dica: Se sua carne de sol for de carne macia não precisa cozinha na panela de pressão.

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Arroz Carreteiro

Vi essa receita no Do Pão ao Caviar foi amor a primeira vista. E em nenhum momento duvidei que ficasse de lamber os beiços... eu estava certa até o último fio de cabelo, não deu para quem quis.
E para celebrar meu aniversário vai ter repeteco no almoço.
Então bora pra cozinha que hoje você é meu convidado. 
Você vai precisar:
Para 4 pessoas:
02 xícaras de arroz
500 gramas de carne de sol já dessalgada, cozida e picadas em cubos
01 linguiça calabresa cortada em rodelas finas
01 Paio cortado em rodela finas
02 cebolas cortadas em cubinhos
06 dentes de alho picados
01 lata de tomate pelado (amassar os tomates)
150 ml de suco de laranja natural
cheiro verde a gosto
06 Ovos
azeite de oliva
folha de louro
água quente para cozinhar.
Para a Banana:
12 bananas marmelo picadas em rodelas
Óleo para fritar
Modo de fazer: Banana: Coloque óleo em uma panela e leve ao fogo, quando estiver quente coloque as bananas aos poucos para fritar. Retire e reserve.
Arroz: Aqueça uma panela e regue com azeite quando estiver bem quente, coloque a carne de sol (já dessalgada e cozida) para fritar. Quando começar a dourar, acrescente o suco de laranja (deixe o suco secar completamente, a função do suco é dar cor).  
Acrescente a linguiça e o paio, frite bem. Coloque a cebola frite até começar a ficar transparente acrescente o alho. Deixe fritar mais um pouco.
Acrescente o arroz e de uma leve refogada, mexendo sempre. Coloque água quente suficiente para cozinhar o arroz, o tomate amassado e o louro a gosto, retifique o sal. Misture e deixe cozinhar em fogo baixo até secar a água e chegar no ponto ideal de arroz. Se necessário coloque mais água
Quando o arroz estiver faltando mais ou menos 10 minutos para ficar pronto, com auxílio de uma concha, pressione o arroz e faça ninhos para colocar os ovos. Acrescente os ovos e coloque uma pitada de sal nos mesmos, tampe a panela e deixe cozinhar em fogo baixo por 10 minutos.
Espalhe cheiro verde picadinho por cima para decorar.
Sirva o arroz carreteiro com as bananas fritas a parte.
Dica: A receita original usou bananas em calda caramelizada, mas eu achei que fritas ficariam melhor.


sexta-feira, 16 de maio de 2014

Amor Ensopado

Com esse tempinho a pedida do dia no buteco é um tira gosto com ‘mais sustança’ e o de hoje é especial.
Você vai precisar:

Então bora pra cozinha que a freguesia já está batendo na porta.
01 coração de boi cortado em cubos
01 cebola roxa picada em rodelas largas
01 tomate picado
01 pimentão vermelho ou amarelo picado
03 dentes de alho picadinhos
01 colher de café de colorau
sal e pimenta a gosto
cheiro verde
Modo de fazer: Tempere o coração com sal e pimenta e reserve.
Em um panela de pressão coloque um fio de óleo e refogue o tomate e o pimentão deixe refogando, mexendo sem parar, até começar a desmanchar, coloque o alho assim que começar a dourar coloque o colorau misture e refogue o coração por uns 05 minutos. Adicione água até cobrir a carne, tampe a panela, após começar a pressão marque 15 minutos e verifique se está cozido. Se não estiver volte com a carne para a pressão por mais alguns minutos.
Retire a pressão, volte com a panela para o fogo acrescente a cebola e deixe em fogo baixo para reduzir e engrossar o caldo (se necessário coloque amido de milho ou farinha de trigo dissolvida em um pouco de água para engrossar).
Polvilhe cheiro verde e sirva quente acompanhado de pão e polenta.
Dica: O coração é uma carne exótica, mas muito saborosa não deixe de experimentar.
Se quiser depois de pronto coloque uma caixinha de creme de leite. Fica ótimo para servir com arroz branco .

quinta-feira, 15 de maio de 2014

Batata Mama Mia

Confesso que ao preparar estas batatas não botei muita fé. Não tem receita fiz assim meio por rumo, sem muita elaboração, mas ficou tão saborosa que não pude deixar de trazer para vocês.

Fez tanto sucesso lá em casa que de coadjuvante virou prato principal.

Então bora pra cozinha que esta batata vai ser sucesso garantido.


02 batatas grandes picadas em rodelas de 0,5 cm
azeite extra virgem a gosto
04 dentes de alho descascados
mix de ervas secas (sal, alho, cebola, pimentão vermelho, manjericão, óregano e salsa)

Modo de fazer: Forre uma assadeira com papel alumínio deixando sobra para fechar como se fosse um envelope.

Descasque as batatas e pique em rodelas coloque na assadeira, disponha os dentes de alho inteiros, salpique o mix de ervas generosamente (acrescentei uma pitada de flor de sal), regue com bastante azeite.

Feche o papel alumínio e leve ao forno a 200º até as batatas ficarem macias (aqui em casa ficou 50 minutos no forno). Desligue o forno e deixe as batatas descansarem dentro do forno por 10 minutos (com o papel alumínio fechado.

Dica: O tempo de forno para assar a batata pode variar.


quarta-feira, 14 de maio de 2014

Sopa Abóbora e Cenoura com Lascas de Sol

Declaro oficialmente aberta a temporada de sopas, cremes e caldos do “Na Cozinha Lá de Casa” (mas confesso que por aqui tomamos sopa o ano todo, rss).

E para abrir com chave de ouro trouxe uma sopa de abóbora, cenoura e carne de sol que ficou de salivar.

Então bora pra cozinha que com esse friozinho vai ser pedida certa.

Para 04 pessoas

400 gramas de abobora cabutiá já descascada e picada
01 cenoura grande picada em rodelas
200 gramas de carne de sol já dessalgada picada em lascas finas
02 folhas de louro
pimenta do reino e sal a gosto
azeite extra virgem
cebolinha picadinha

Modo de fazer: Cozinhar a abóbora e a cenoura em 1 litro de água com um pouco de sal. Quando estiver bem cozido bater, com a água do cozimento, com um mix ou no liquidificador até obter um creme homogêneo e mais encorpado, se necessário retire um pouco da água. Reserve.

Em uma panela de fundo grosso colocar 03 colheres de sopa de azeite e refogar bem a carne de sol, vá pingando água para cozinhar, quando a carne estiver cozida deixe fritar por uns 05 minutos. Retire um pouco da carne para decorar e reserve. Despeje o creme de abobora e cenoura na panela, adicione pimenta do reino, retifique o sal, coloque as folhas de louro e deixe ferver em fogo baixo. Se necessário coloque um pouco de água.

Sirva com cebolinha picada por cima e a carne reservada.


Dica: A carne de sol que eu tinha foi feita com uma carne mais dura, por isso tive que cozinhar na panela de pressão por 30 minutos antes de picar em lascas. Se a sua carne de sol for de carne macia não é necessário.

terça-feira, 13 de maio de 2014

Linguado Marguerita com Aspargos Verdes Salteados

Depois dos feriados e já emendando com dia das mães, por aqui, vamos ter que colocar o pé no freio e fazer escolhas mais saudáveis para a alimentação.
Pensando nisso preparei um linguado grelhado com molho marguerita e aspargos salteados que, sem falsa modestia, ficou espetacular. E claro não podia deixar de trazer a receita para vocês.
Então bora pra cozinha preparar?


Para 04 pessoas
08 filés de linguado
sal e pimenta do reino a gosto
azeite para grelhar
Molho Marguerita
01 tomate sem sementes picado em cubos
01 cebola picada em cubos
½ pimentão amarelo picado em cubos
½ pimentão vermelho picado em cubos
02 colheres de sopa de azeitonas fatiadas
sal e pimenta do reino a gosto
 02 colheres de sopa de azeite
Aspargos Salteados
01 maço de aspargos verdes frescos
sal
02 colheres de sopa de manteiga
Modo de fazer: Tempere os filés de linguado com sal e pimenta do reino, reserve.
Pique os ingredientes do molho coloque em uma vasilha acrescente pimenta do reino e 02 colher de sopa de azeite, reserve.
Em um caldeirão ou copo de ferver água coloque água, sal e os aspargos deixando a ponta para cima e fora da água (a parte que esta fora dá água deve cozinhar apenas com o vapor, pois como cozinha mais rápido que o restante se ficar submersa na água vai desmanchar).
Leve ao fogo, assim que começar a ferver marque 8 minutos e verifique se estão no ponto desejado. Senão deixe mais uns minutos verificando sempre para não passar do ponto. Assim que estiverem cozidos escorra e passe por água gelada. Corte a parte dura da haste (+/- dois dedos).
Leve ao fogo uma frigideira com a manteiga assim que derreter salteie os aspargos, reserve aquecido.
Em uma grelha ou frigideira anti aderente coloque um pouco de azeite e grelhe os filés de linguado um a um. Após terminar de grelhar todos, na mesma frigideira, despeje o molho coloque uma pitada de sal e mexa por 03 minutos.
Montagem: Em um prato coloque 03 unidades de aspargos, dois filés de linguado grelhado e o molho por cima.

Dica: Não deixe o molho ficar muito tempo no fogo, ele não deve ser cozido, apenas um ‘choque’. 

sexta-feira, 9 de maio de 2014

Sanduíche de Buteco

Mais amor e mais buteco, por favor!

Então bora pra cozinha que hoje tem sanduíche de buteco.


01 pão francês
05 fatias de pastrami
molho de alho caseiro a gosto
mostarda adocicada a gosto
½ cebola roxa em rodelas finas
pimenta biquinho

Modo de fazer: Prepare o molho de alho, receita aqui.

Montagem: Abra o pão ao meio e passe o molho de alho fartamente nos dois lados, coloque as fatias de pastrami dobradas ao meio, as rodelas de cebola roxa, mostarda adocicada. Enfeite com pimenta biquinho e sirva.

Dica: Substitua o pão francês por ciabata ou pão italiano.

Usei uma mostarda adocicada que ganhei de presente (marca Berna).

quarta-feira, 7 de maio de 2014

Bacalhau com Tomates Secos ao Catupiry®

E o almoço do dia das mães? Você já começou a pensar no que agradaria a sua mãe? Não!!!!
Que tal bacalhau?! Qual receita? Essa, é claro. De comer de joelhos (para não cometer o pecado da gula).
Então corre para cozinha.

400 gramas de queijo catupiry®
+/- 700 gramas de bacalhau sem pele e espinho (se for tirar a pele e espinho compre 1,100 kg)
200 gramas de tomate seco picado grosseiramente
80 gramas de azeitonas pretas
80 gramas de azeitonas verdes
01 cebola picadinha
06 dentes de alho picadinhos
sal a gosto
½ colher de chá de corante de urucum
salsa ou cebolinha picadinha a gosto
100 ml de azeite extra virgem de boa qualidade
Modo de fazer: Para dessalgar o bacalhau coloque-o em uma vasilha cubra com água e leve a geladeira. Deixe por 36 horas trocando a água 6 vezes durante esse tempo. 
Para cozinhar coloque o bacalhau em uma panela cubra com água limpa e leve ao fogo (-/+ 8 minutos após levantar fervura). Escorra, desfie e reserve.
Na mesma panela coloque o azeite e a cebola leve ao fogo. Assim que a cebola ficar transparente acrescente o alho e deixe dourar levemente. Coloque o corante, misture, acrescente o bacalhau e refogue por uns 3 minutos. Acrescente o tomate seco com um pouco do azeite da conserva, azeitonas e salsa picadinha, retifique o sal se necessário. Desligue.
Em um refratário coloque o queijo catupiry® no fundo e o bacalhau por cima, regue com azeite e leve ao forno a 200 º por +/- 25 minutos.

Dica: Se usar bacalhau desfiado pode reduzir o tempo de dessalgue para 8 horas.
Pode substituir o queijo catupiry® por requeijão cremoso.


Para ajudar a amolecer o queijo catupiry® leve uns segundos no micro ondas.

sexta-feira, 2 de maio de 2014

Tolete de Contra Filé com Mandioca Escandalosa


Sexta feira e no meio do feriado.
Sabe o que significa? Sustança no tira gosto porque a cervejada começou cedo.
Então bora pra cozinha que hoje a cerveja vai ser loooooonga.
Você vai precisar:
02 toletes (pedaço) de contra filé cortado para grelha de 400 gramas cada
1 colher de sopa de sal socado com 3 dentes de alho
Mandioca Escandalosa
150 gramas de mandioca cozida
02 colheres de sopa de maionese
cebolinha picada a gosto
Vinagrete de Pepino
½ pepino japonês picadinho
01 tomate sem sementes picadinho
01 cebola pequena picadinha
½ pimentão amarelo pequeno picadinho
½ pimentão verde picadinho
vinagre branco a gosto
sal e pimenta do reino a gosto
azeite extra virgem a gosto
farinha de pimenta
Modo de fazer: Faça cortes na diagonal no contra filé, mas sem separar os pedaços. Tempere com o sal socado com alho.
Leve ao fogo uma grelha de ferro deixe esquentar bem, coloque um fio de óleo e grelhe o contra filé até o ponto desejado. Reserve o filé na grelha.
Mandioca Escandalosa: Cozinhe a mandioca em água com sal. Escorra pique em pedaços pequenos. Misture à mandioca, a maionese a cebolinha .
Vinagrete de Pepino: Misture o pepino, tomate, cebola, pimentões, coloque o vinagre, tempere com sal e pimenta do reino. Regue com azeite.
Montagem: Na grelha de ferro coloque a mandioca ao lado do contra filé. Sirva a parte o vinagrete e a farinha de pimenta.
Dica: Essa farinha de pimenta compro pronta é um espetáculo e muuuuito ardida, pode substituir por farinha temperada.