terça-feira, 31 de julho de 2012

Fraudinha Assada com Mostarda, Mel, Azeite e Alho

Tinha uma peça de fraudinha em casa no ponto de assar, mas queria uma receita diferente.


Fui direto pesquisar no Grande Oráculo (google, rsss), e me deparei com esta receita do site Tudo Gostoso, não tive a menor dúvida de que era o que estava procurando.


Confesso que no momento que li a receita imaginei que devia ficar muito saborosa, mas nada que se comparasse ao sabor depois de pronto. Uma maravilha, não dá para descrever com palavras.

Só posso dizer uma coisa vocês não vão se arrepender de fazer.

Então bora pra cozinha que esta carne ficou de impressionar.



01 peça de fraudinha de aproximadamente 1 kg.
03 colheres de sopa de mostarda (usei a pasta com grãos)
02 colheres de sopa de azeite
01 colher de sopa de mel
03 dentes de alho espremidos
Suco de 01 limão (usei cravo)
02 colheres rasas de sopa de sal
01 folha de louro
Pimenta do reino moída a gosto

Modo de fazer: Em uma vasilha de vidro, misture a mostarda, azeite, mel, alho, limão, sal, folha de louro e pimenta do reino moída, depois de misturar bem os ingredientes, deixe-os descansando por 01 hora ante de temperar a carne.

Após 01 hora fure a fraudinha, coloque em uma assadeira, despeje metade do tempero por cima da fraudinha, vire-a e despeje a outra metade, deixe marinando por 02 horas na geladeira.

Após o tempo de marinada, cubra com papel alúminio e leve ao forno médio por 01 hora, ou até assar, após este tempo retire o papel alumínio e se quiser volte ao com a fraudinha ao forno por mais 15 minutos para dourar. Mantenha a carne aquecida.

Despeje o liquido que ficou na assadeira em uma panela e leve ao fogo baixo com 01 colheres de sopa de farinha de trigo, deixe até engrossar e cozinhar a farinha de trigo.

Retire a carne do forno, coloque o molho por cima e sirva com arroz ou purê de batatas.

Dica: Pode fatiar a carne antes de colocar o molho por cima. Se preferir pode servir o molho a parte, mas fica infinitamente mais saboroso colocar todo o molho por cima da carne.


segunda-feira, 30 de julho de 2012

Salada Primavera


Depois do final de semana, que com certeza foi de orgias gastronômicas, nada melhor que comercar a semana com uma salada para lá de saborosa.

Sempre faço esta salada em casa é sucesso garantido. Ah em churrascos também ela tem o seu lugar de destaque (claro que ela perde para picanha, mas na categoria de saladas ganha o primeiro lugar, kkkk).

Então bora pra cozinha que para começar a semana vamos de saladinha.



½ repolho pequeno picado finamente
01 pé de alface romana pequeno picado finamente
02 cenouras médias raladas em ralo grosso
01 cebola média picada em meia lua finas
02 tomates sem sementes picados em cubos
03 colheres de sopa de cebolinha verde
½ xícara de chá de azeitonas fatiadas

Tempero da salada:

¼ de xícara de café do caldo da conserva da azeitona
¼ de xícara de café de azeite de boa qualidade
02 dentes de alho espremidos
½ colher de chá de pimenta calabresa seca
½ colher de chá de óregano seco
Pimenta do reino moída a gosto

Modo de fazer: Em uma vasilha de vidro coloque os ingredientes do tempero da salada: caldo da conserva da azeitona, o azeite, alho, pimenta calabresa, óregano e pimenta do reino moída, misturem com auxilio de um batedor para incorporar todos os ingredientes. Coloque na geladeira até a hora de servir.

Em uma saladeira grande coloque neste ordem, o repolho, cenoura, alface, cebola, tomate, azeitona, mexa com auxílio de dois garfos grandes para misturar todos os ingredientes. Leve a geladeira.

Na hora de servir, despeje o tempero em cima da salada, misture suavemente e sirva.

Dica: O ideal é deixar o tempero descansar por 02 horas antes de misturar na salada.

Não é necessário por sal pois a água da conserva da azeitona já tem sal.

sexta-feira, 27 de julho de 2012

Frango a Passarinho com Molho de Limão Picante


Oba, sexta feira!!!!!

E hoje eu estou merecendo uma cervejinha estupidamente gelada, sabe aquelas véu de noiva? Pois é dessas.

Ah e para acompanhar este frango a passarinho com molho de limão picante, hum... bom demais da conta.

Então bora pra cozinha que vamos abalar o buteco hoje.



01 kg de frango a passarinho
01 colher de sobremesa de mix de tempero caseiro (sal alho e pimenta)
Pimenta do reino moída na hora a gosto
02 colheres de sopa de molho shoyo
Óleo para fritar

Molho de Limão Picante
03 limões cravo espremidos (pode usar taithi)
03 pimentas dedo de moça picadinhas (com a semente)
02 colheres de sopa de cebolinha verde picada
+/- 1 xícara de café de água (depende do quanto de acidez quer deixar no molho, eu usei ¾ da xícara de café)
Sal e pimenta do reino a gosto

Modo de fazer: Tempere o frango a passarinho com o tempero caseiro, a pimenta do reino moída e o molho shoyo, deixe descansar por 30 minutos. Coloque o óleo na panela, deixe descansar e frite o frango até ficar bem crocante.

Molho de Limão Picante: Em uma molheira esprema os limões, acrescente a pimenta dedo de moça picadinha, a cebolinha verde, a água, misture, coloque sal e pimenta do reino a gosto, misture. Leve o molho a geladeira.

Na hora de servir, coloque o molho na travessa e o frango ao redor.

Dica: Este molho pode ser usado para temperar saladas, se quiser reduza a quantidade de pimenta.

Deixe o frango fritar bem, pois quanto mais crocante ele estiver melhor.

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Torta Delícia Holandesa


Hoje pode um doce né?! Eu estou merecendo (para não dizer precisando)!
Eu não sou a maior fã de doces, para mim o importante é o prato salgado, mas se tem uma torta que eu gosto é esta, ou melhor, eu gosto da torta holandesa, mas resolvi fazer com uma receita que sempre fazíamos na casa da amiga da Vanessa, uma querida amiga da época de colégio.
A nossa receita da receita original de torta holandesa só tinha o nome, mas era muito boa, a única coisa que modifiquei foi a cobertura. E foi muito bom relembrar e matar saudades.
Esta vai especialmente para minhas amigas do ISA.
Então bora pra cozinha que tenho certeza que você vai se deliciar com esta torta.
Você vai precisar:
Para a base:
01 e ½ pacote de biscoito de maisena
300 gramas de manteiga sem sal em temperatura ambiente
01 colher de chá de essência de baunilha
Recheio:
01 lata de leite condensado cozido por 30 minutos na panela de pressão
1/2 lata de creme de leite
400 gramas de creme cheese
01 envelope de gelatina sem sabor (se necessário)
Cobertura
01 lata de creme de leite
200 gramas de chocolate (usei ½ amargo)
Morangos para decorar
Modo de fazer: Massa: Triture as bolachas no liquidificador até obter um farinha, misture com a manteiga deixando em consistência de massa, forre o fundo um refratário grande (ou outra vasilha retangular ou redonda grande da sua preferência). Leve a geladeira por 20 minutos.
Recheio: Coloque a lata de leite condensado coberta com água na panela de pressão, tampe e leve ao fogo, quando começar a pressão marque 30 minutos, e desligue, deixe a pressão sair normalmente, quando tiver saído toda a pressão, abra e retire o leite condensado e DEIXE ESFRIAR TOTALMENTE ANTES DE ABRIR.
Quando o leite condensado estiver totalmente frio (unas 04 horas depois) leva a batedeira com o creme de leite e o creme cheese, bata por alguns minutos para obter um creme homogêneo (se achar que esta muito mole e que não vai endurecer, acrescente ao creme, no máximo, 01 envelope de gelatina em pó sem sabor, dissolvida conforme instruções do fabricante).
Coloque em cima por cima da base de biscoito e leve a geladeira por 06 horas.
Cobertura: Após as 06 horas que o creme ficou na geladeira retire-o e reserve. derreta o chocolate no micro ondas (01 minuto potência alta), ou em banho maria, acrescente o creme de leite misture e jogue por cima da torta. Leve novamente a geladeira por mais 02 horas ou até a hora de servir.
Na hora de servir decore com morangos já higienizados por cima.
Dica: Não abra o leite condensado cozido quente ou morno, pois senão vai fazer uma bagunça enorme na cozinha.
Na receita que fazíamos na época da faculdade fazíamos a cobertura de brigadeiro mole, também fica muito gostoso.
Pode substituir a decoração por raspas de chocolate, ou biscoito tipo calypso.




quarta-feira, 25 de julho de 2012

Creme de Alho Poró e Bacon


Semana passada fez muito frio, acho que para todo lado e eu só estava querendo comidas bem quentinhas.

Lembrei que já tinha visto em algumas cozinhas sopa cremosa de alho poró, como tinha em casa resolvi experimentar fazer um creme de alho poró com bacon.

Decisão acertada ficou saboroso. Esta combinação de sabores me agrada muito.

Então bora pra cozinha que você vai gostar deste sabor.



Para 04 pessoas
01 alho poró grande em rodelas finas (parte branca e as folhas)
200 gramas de bacon em cubos
400 ml de creme de leite fresco
100 ml de leite integral
Sal e pimenta do reino moída a gosto (usei branca)
02 colheres de sopa de farinha de trigo
03 colheres de sopa de requeijão cremoso
01 colher de sopa de azeite ou óleo

Modo de fazer: Em uma panela coloque o azeite ou óleo e coloque o bacon para fritar, quando estiver bem frito, retire o bacon e reserve, escorra o excesso de óleo deixando apenas o suficiente para refogar o alho poró, acrescente o alho poró (deixe um pouco sem refogar para decorar) e refogue até muchar. Desligue o fogo.

No liquifificador ou mix bata o alho poró refogado com o creme de leite, o leite e a farinha de trigo até obter um creme homogêneo.

Volte com o creme para a panela, coloque em fogo baixo e deixe ferver para cozinhar a farinha de trigo e engrossar, acrescente o bacon frito (reserve um pouco do bacon), o requeijão cremoso, acerte o sal e coloque a pimenta do reino moída na hora (se não estiver em consistência de creme acrescente mais um pouco de farinha de trigo dissolvida em água), deixe ferver por mais alguns minutos. Desligue e deixe descansar por uns instantes.

Sirva quente com bacon e o alho poró reservados por cima.

Dica: Se você quiser usar o creme de leite de caixinha use 01 caixinha ou lata e 1 e 1/2 medida de leite.

terça-feira, 24 de julho de 2012

Soja Tropeira com Ora Pro Nobis


Vamos de soja hoje?

A academia que faço é muito engraçada, vira e mexe alguem leva uma coisa gostosa (e engordativa) para experimentarmos (eu cheguei a conclusão que é tática da professora para não abandonarmos a academia, rsss, não é mesmo Tia Jac?!).

Este prato foi assim, a Dona Margarida levou, eu claro como boa guormet, experimentei e na mesma hora tive a certeza que tinha que trazer para vocês experimentarem também.

Resultado, pedi a receita, fiz em casa e como boa amiga aqui está.

Então bora pra cozinha que estes sabores vão conquistar vocês.


Para 04 pessoas:
400 gramas de soja cozida
04 ovos fritos e picados grosseiramente
01 lingüiça calabresa média picada em cubos pequenos
150 gramas de bacon em cubos pequenos
01 cebola média em meia lua fina
03 dentes de alho espremidos
Sal e pimenta do reino a gosto
Ora pro nobis picada ou couve picada finamente

Modo de fazer: Deixe a soja de molho por duas horas, tente retirar as cascas que vão da soja após deixar de molho, coloque na panela de pressão e cozinhe por 30 minutos, verifique, se não estiver no ponto desejado retorne para a pressão por mais alguns minutos (aqui em casa 30 minutos foram suficientes para deixar al dente). Após cozida reserve.

Em um panela frite a lingüiça e o bacon, quando estiverem bem fritos retire e reserve. Frite os ovos, retire e pique grosseiramente.

Escorra o excesso de óleo da panela, deixando o suficiente para fritar a cebola e o alho (+/- 2 colheres de sopa) coloque a cebola e o alho e deixe até a cebola ficar transparente, acrescente a soja, misture para incorporar, acrescente a lingüiça, bacon, misture, acrecente os ovos, misture delicadamente, coloque sal e pimenta do reino moída, abaixe o fogo e deixe por uns 4 minutos, mexendo para não pegar no fundo.

Coloque o ora pro nobis ou a couve, misture, deligue o fogo, tampe e deixe descansar por alguns minutos.

Sirva quente sozinho ou acompanhado de arroz branco e salada.

Dica: Quem não conhece o ora pro nobis falei sobre ele neste post aqui.

Se quiser pode acrescentar farinha de mandioca e fazer uma farofa úmida, mas eu achei mais gostoso assim.

Se preferir pode comprar a soja já cozida no vapor. Se for cozinhar em casa, não deixer de retirar as cascas que se soltam quando colocada de molho.


sexta-feira, 20 de julho de 2012

Linguiça Flambada na Cachaça - Comida de Buteco


Enfim sexta feira.

Vamos butecar?! Na comida de buteco de hoje uma linguicinha que faz um sucesso danado lá em casa.

Então bora para cozinha que a cervejinha eu já mandei buscar.



700 gramas de lingüiça caseira de pernil ou lombo cortada em pedaços de +/- 03 dedos
01 cebola grande em rodelas médias
50 ml de cachaça de boa qualidade
01 xícara de chá de óleo
01 xicara de chá de água.

Modo de fazer: Em um panela, de alumínio batido ou de ferro, coloque a lingüiça a água e o óleo, tampe e leve ao fogo para fritar.

Quando a lingüiça estiver frita de um lado vire para fritar do outro, quando estiver bem frita, escorra o excesso de óleo, deixando o equivalente a 01 colher de sopa na panela, jogue a chachaça e imediatamente flambe.

Assim que fogo apagar jogue a cebola, misture, tampe e desligue a panela.

Sirva quente. Para acompanhar, claro uma cerveja gelada.

Dica: Para flambar, com cuidado, risque um fósforo e acenda a cachaça que jogou dentro da panela, neste momento muito cuidado para não se queimar.

Cuidado para não deixar o fósforo cair dentro da panela.


quarta-feira, 18 de julho de 2012

Pirão de Queijo Coalho com Carne de Sol e Manteiga de Garrafa


Eu amo comida nordestina. E se tem um prato que amo de paixão e como até me acabar é o pirão de queijo coalho com carne de sol e manteiga de garrafa.

Então dia destes resolvi fazer e só posso contar uma coisa para vocês, mas é segredo... comi até me acabar.

Então bora pra cozinha que hoje tenho certeza você também vai comer para se acabar.



500 g de carne de sol dessalgada, cozida e desfiada;
2 dentes de alho amassado;
03 colheres de sopa de manteiga de garrafa;
01 colher de sopa de azeite
01 cebolas grandes em meia lua;
Cebolinha verde e coentro picado a gosto
Sal e pimenta do reino moída a gosto.

Pirão de queijo coalho

600 ml de leite
1  xícara de chá de farinha de mandioca fina
01 colher de sopa de manteiga de garrafa
400g de queijo coalho
1 copo de requeijão
1 caixinha. de creme de leite
sal q.b.

Modo de fazer: Corte o queijo de coalho em pedaços bem pequenos e reserve.

Coloque no liquidificador o leite, a manteiga e a farinha de mandioca. Bata bem, até que a mistura fique homogênea. Leve ao fogo baixo por cerca de 10 minutos, mexendo sempre, quando o pirão estiver fervendo, acrescente o queijo, o requeijão e o creme de leite. Tempere com sal a gosto e misture bem para que fique cremoso. Reserve aquecido

Em uma panela coloque manteiga, o azeite o alho e a cebola quando a cebola estiver transparente acrescente a carne de sol já cozida e desfiada, misture bem para incorporar, se necessário acerte o sal. Desligue e reserve aquecida.

Montando o prato: Num refratário untado no fundo com um pouco de manteiga de garrafa coloque o pirão de queijo e a carne de sol com cebola, que deve esta aquecida, por cima, coloque cebolinha e coentro.

Sirva quente.

Dica: Pode substituir a carne de sol por carne de charque. Se não tiver manteiga de garrafa use manteiga comum (não use margarina).

Se necessário leve ao forno para aquecer e coloque a cebolinha e o coentro na hora de servir.

terça-feira, 17 de julho de 2012

A Reconfortante Sopa de Mandioca com Carne Moída



Semana passada a Nana do Manga com Pimenta postou uma sopinha mega, ultra reconfortante, na hora que vi tive tantas saudades do meu tempo de criança.

Como por aqui esta muito frio não poderia fazer outra coisa a não ser aquela sopa, eu não ia nem trazer para vocês, mas ficou tão gostosa, daquelas sabe, de aquecer o coração e reconfortar a alma? Que não pude deixar vocês sem experimentar.

Então bora pra cozinha que a sopa hoje vai aquecer o seu coração.



Para 04 pessoas:
700 gramas de mandioca cozida
350 gramas de carne moída (usei patinho)
03 dentes de alho espremidos
01 cebola picada em cubinhos
01 tablete de caldo de legumes
Mix de tempero caseiro (alho e sal) e pimenta do reino moída a gosto
Óleo q.b.
01 colher de chá de corante de urucum (colorau)
01 pimenta dedo de moça em rodelas finas (opicional)
Cebolinha e salsa picadas a gosto

Modo de fazer: Em uma panela de pressão coloque água, a mandioca e o caldo de legumes, tampe e leve ao fogo para cozinhar, quando a mandioca estiver bem cozida (aqui em casa deixei 30 minutos na pressão para ficar quase desmanchando) retire e bata no liquidificador, no pulsar, com a água do cozimento, se necessário coloque mais água para bater. Deve ficar como um creme um pouco mais grosso. Reserve.

Em uma panela coloque o óleo suficiente para refogar a cebola e o alho, quando a cebola estiver transparente e o alho dourando, coloque o corante de urucum, misture bem, acrescente a carne, o tempero e a pimenta do reino, misture e deixe a carne refogar e cozinhar. Quando a carne estiver bem cozida, coloque a mandioca que bateu, misture e acrescente um pouco de água (+/- 150 ml dependendo do quanto grosso ficou a mandioca batida), deixe ferver em fogo baixo, mexendo sempre para não grudar no fundo, acerte os temperos.

Na hora de servir coloque a cebolinha, a salsa e a pimenta em rodelas.

Dica: A sopa deve ficar encorpada mais grossa mesmo.Se usar mandioca congelada deixe a água fever antes de acrescentar a mandioca e só depois coloque na pressão.

Não é essencial cozinhar a mandioca na pressão, se preferir pode cozinhar na panela comum.

segunda-feira, 16 de julho de 2012

Picanha com Maionese de Manjericão

Eu gosto de picanha de todo jeito, Marido só gosta assada na brasa, mas assumi o compromisso de mostrar para ele que picanha é saborosa de qualquer jeito.

Então no final de semana fiz picanha na grelha, sei que para o almoço não dá mais para fazer, mas para o jantar você não pode deixar de preparar esta picanha deliciosamente saborosa que ainda veio vestida para festa com  maionese de manjericão.

Gente só posso dizer uma coisa ficou de comer de joelhos, para pedir perdão pelo pecado da gula que com certeza você vai cometer.

Então bora pra cozinha que esta picanha ficou demais.



01 picanha picada para grelha
sal grosso

Para a Maionese de Manjerição
80 ml de leite
sal q. b. (usei 1/2 colher de café)
folhas frescas de manjericão higienizadas e secas (usei 03 colheres de sopa)
azeite ou óleo de canola q.b.

Modo de fazer: Tempere a picanha com sal grosso e deixe descansar por pelo menos 30 minutos.

Coloque a grelha no fogão e grelhe as picanhas como de costume deixando no ponto desejado ( eu prefiro  bem passada). Reserve-as aquecidas.

No liquidificador coloque o leite, o sal e o manjericão, liquidifique, quando o manjericão estiver todo incorporado abra a parte de cima do liquidificador e vá colocando o óleo ou azeite em fio até adquirir a consistência de maionese.

Sirva a picanha com 01 colher de sopa da maionese por cima e acompanhada de salada verde.

Dica: Pode substituir o manjericão por outra erva da sua preferência: cebolinha, salsa, hortelã, etc ou um mix de ervas frescas.

sexta-feira, 13 de julho de 2012

Azeitona Temperada - Comida de Buteco


Tenho recebidos vários pedidos de sugestões para o tão amando ‘tira gosto’, aquele preferido para acompanhar a cervejinha gelada.

Para atender estes pedidos pensei e decidi que toda sexta feira, dia internacional da cerveja, aqui na minha cozinha vai ser dia de comida de buteco.

Como tinha ganhado em um sorteio no blog da Manu produtos da Hemmer e feito um pote de azeitonas, para inaugurar esta sessão trouxe uma receita, na verdade não posso nem chamar de receita dada a simplicidade, que peguei lá no blog Cozinhando para Relaxar.

Gente, mesmo sendo super símples, fácil e barata de fazer, não se enganem é uma MARAVILHA, DELICIOSA, DE COMER E NÃO QUERER PARAR!!!

Então bora pra cozinha que hoje é dia de butecar.



300 gramas de azeitona (pode ser verde, preta, roxa ou as três, usei verde da Hemmer )
02 dentes de alho espremidos
01 colher de sobremesa de óregano
01 colher de sobremesa de pimenta calabresa seca
1 xicara de café de azeite extra virgem.

Modo de fazer: Coloque a azeitona em uma vasilha, coloque o alho, óregano, pimenta calabresa e o azeite, misture bem com auxilio de uma colher.

Coloque a azeitona em um vidro, junto com o tempero que ficou na vasilha, e leve a geladeira, o ideal é fazer de um dia para o outro.

Tire da geladeira antes de servir para chegar na temperatura ambiente, coloque em uma vasilha e sirva.

Para acompanhar claro, aquela cerveja vestida para casar, com o veú de noiva branquinho...

Dica: Na receita original, a Kris colocou todos os ingredientes para misturar em um saquinho tipo zip loc, mas eu achei mais fácil fazer em uma vasilha.

Só usei as azeitonas verdes, mas pode fazer um mix de azeitonas

quinta-feira, 12 de julho de 2012

Lombo ao Molho de Laranja, Gengibre e Mel


Estava com vontade de comer uma carne de porco, fui rever algumas receitas e acabei esparrando em uma de um molho de laranja, gengibre e mel que me fez salivar, era o acompanhamento perfeito para o meu lombo.

Corri para cozinha e foi só juntar a fome com a vontade de comer. Meninas, pensem em uma coisa boa, mas boa mesmo pensou... pois é, não vai nem chegar perto do sabor da carne de porco acompanhada por este molho.

Chego a salivar só de lembrar... hum... ah, e sabe o melhor este molho é muito versátil vai bem com carne de porco, peixe, frango.

Então bora pra cozinha que você não pode ficar sem experimentar esta delícia.




01 lombo de porco (+/-1,3 kg)
01 limão grande
Mix de tempero caseiro (alho e sal) e pimenta do reino moída a gosto

Molho de laranja gengibre e mel

suco de 03 laranjas grandes
02 colheres de sopa de mel
01 colher de chá de gengibre em pó

Modo de fazer: Coloque o lombo em uma assadeira, fure o lombo de porco com auxilio de umagarfo, esprema o limão por cima de toda a carne, tempere com mix de tempero caseiro e a pimenta do reino moída. Deixe descansar por 30 minutos.

Cubra com papel alumínio e leve ao forno médio para assar, quando estiver quase assado retire o papel alumínio e deixe terminar de assar (aqui em casa demorou 50 minutos).

Em uma panela coloque o suco da laranja, o mel e o gengibre, misture, leve ao fogo baixo até ficar uma calda rala.

Parte o lombo em fatias, regue com o molho, ou coloque o molho em uma molheira ao lado.

Dica: Não deixe o lombo ficar muito seco, o ideal é tirar com ele assado, mas ainda um pouco úmido.

Eu coloquei metade do molho por cima do lombo e a outra metade em uma molheira.

quarta-feira, 11 de julho de 2012

Pastelão de Linguiça e Pimentões Assado


A gente sempre esta na cozinha dos amigos procurando uma receitinha aqui, uma sugestão ali, uma dica nova, um jeito diferente de fazer algo tradicional, e assim aprendemos e compartilhamos nossas cozinhas.

Esta receita foi assim, vi no blog da Sadhia um rocambole de com massa de pastel, achei aquela ideia deliciosamente louca, tinha que experimentar (apesar de não ser a primeira vez que assava massa de pastel frito, como rocambole iria ser a primeira vez).

E com aquela ideia na cabeça foi só soltar a imaginação, assim surgiu este pastelão assado (mudei o nome, pois não consegui fazer como rocambole). Delicioso e uma exelente pedida para o lanche da criançada de férias.

Não segui a receita a risca, apenas o conceito, quem quiser saber a receita clique aqui.

Então bora para cozinha que tenho certeza este pastelão vai te agradar.



01 pacote de massa de pastel para fritar em rolo (de preferência caseira)

Recheio para 03 pastelões

500 gramas de lingüiça defumada fina
1 pimentão vermelho pequeno
1 pimentão amarelo pequeno
01 cebola
03 colheres de sopa de extrato de tomate
03 colheres de sopa de cebolinha verde
02 dentes de alho espremidos
Azeite q.b.
Sal e pimenta do reino moída a gosto
Queijo muçarela ralado grosso q.b.
Óregano seco
Gema de ovo para pincelar

Modo de fazer: Pique as linguiças em rodelas finas e reserve.

No liquidificador coloque os pimentões, a cebola, o extrato de tomate, a cebolinha, acrescente um pouco de água 01 xícara de chá, se achar necessário coloque mais água, bata no modo pulsar deixando os pedaços levemente triturados. Reserve.

Em uma panela coloque o azeite e a lingüiça, deixe fritar um pouco, acrescente o alho, e deixe até o começar a dourar, acrescente o molho triturado no liquidificador, acrescente sal e a pimenta do reino moida, abaixe o fogo e deixe cozinhar até ficar um molho bem encorpado, grosso, acerte o sal se necessário. Deixe esfriar.

Abra a massa de pastel sem retirar o plástico da parte de baixo, umideça as extremidades da massa para ajudar na hora de fechar,  acrescente um pouco de muçarela ralada e o recheio, enrole com o auxílio do plástico de baixo, como se fosse um rocambole. Com auxílio de um garfo aberte bem as laterais para fechar, passe gema de ovo batida, polvilhe oregano e mais queijo ralado.
Cubra a assadeira com papel alumínio untado com azeite, coloque os pastéis em cima e leve ao forno médio para assar, aqui em casa demorou 35 minutos.
Espere esfriar e sirva.

Dica: Usei massa de pastel para fritar em rolo caseira, aqui compro nas barracas de pastel das feiras livres. Rendem  de 02 a 03 pastelões.

Coloque 01 colher de chá de açucar no molho para equilibrar a acidez. O molho tem que ficar totalmente seco, como na foto abaixo.







terça-feira, 10 de julho de 2012

Bife de Lagarto 'Simples Assim'

Na blogosfera é assim a gente vê uma receita na cozinha de um blog, que por sua vez tirou da cozinha de outro e por aí vai, pois é dia destes passeando pelo blog da Lylia, o Simples Assim, vi uma receita que me chamou demais a atenção, bife de lagarto.
Como assim, bife de lagarto, será que não ia ficar duro e o sabor? Meninas, para responder todas as minhas perguntas tive que fazer a receita.
E só tenho uma coisa a declarar: MARAVILHA!!!!
É muito saboroso, macio, suculento, me surpreendeu em todos os sentidos. Definitivamente outra forma de preparar lagarto e que vai voltar várias vezes lá em casa.
Então bora pra cozinha que este bife vai te surpreender.
Você vai precisar:
10 bifes de lagarto
01 lata de cerveja preta (usei xingu)
01 colher de sobremesa de alecrim (de preferência fresco, mas eu só tinha o seco)
01 colher de chá de tomilho
01 dente de alho espremido
Mix de tempero caseiro (alho e sal) e pimenta do reino moída a gosto
02 colheres de sopa de azeite
200 ml de molho de tomate caseiro
Cebolinha verde picada
Modo de fazer: Tempere a carne como mix de tempero caseiro e as ervas, deixe descansar por 20 minutos.
Coloque o azeite na panela de pressão, adicione o alho, coloque a carne, selando-a dos dois lados, acrescente a cerveja preta e o molho de tomate, tampe a panela e após dar pressão marque 30 minutos.
Desligue e deixe descansando por 30 minutos na panela tampada em contato com molho antes de servir (pode esquentar antes).
Na hora de servir coloque a cebolinha verde por cima. Sirva com arroz ou purê de batatas.
Dica: O molho de tomate foi acréscimo da Lylia, eu também usei. A Lylia usou 1/2 sachê de molho pronto.



segunda-feira, 9 de julho de 2012

Gelatina Cremosa

Estava querendo um docinho, então resolvi fazer uma sobremesa que é sucesso garantido aqui em casa.

Sabe aqueles dias em que o tempo está curto mas queremos fazer uma sobremesa, esta é A RECEITA. Rápida e fácil de fazer, mas não se enganem...  deliciosamente saborosa.

Então bora pra cozinha que esta sobremesa vai ser sucesso garantido na sua casa.



Rende 06 potes individuais ou uma taça média

02 gelatinas do sabor de sua preferência (usei cereja)
01 caixinha de creme de leite.

Modo de fazer: Faça 1 gelatina conforme instruções do fabricante.

Coloque nas taça individuais ou na taça média um pouco da gelatina preparada (01 dedo a menos do meio da taça).

Leva a geladeira e deixe endurecer.

Quando estiver dura, prepare a outra gelatina conforme instruções do fabricante, assim que estiver pronta transfira para o liquidificador, coloque o creme de leite e bata por 05 minutos.

Despeje nas tacas individuais ou na taça média, por cima da gelatina já endurecida. Leve novamente a geladeira para endurecer.

Na hora de servir decora a gosto com cerejas.

Dica: Tem que bater no liquidificador este tempo, pois se bater menos tempo a gelatina separa do creme de leite na hora em que começar a endurecer. Se isto acontecer com você volte com o creme (que ainda vai esta liquido) de volta para o liquidificador e bata mais tempo.