sábado, 31 de dezembro de 2011

Feliz 2012


QUE NO ANO QUE SE INICIA VOCÊ ENCONTRE 

2012 

MOTIVOS PARA SORRIR.

Mude, seja diferente. Para melhor.


Fê Dayrell

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Meu Presente de Amigo Secreto

Gente este ano participei de uma brincadeira super legal aqui na blogosfera. A Ana do blog Eu Mulher promoveu um amigo secreto quando vi o post do amigo secreto tive certeza que iria participar, gostei demais e ano que vem com certeza quero participar de novo.

Pois é, no espírito da brincadeira recebi da simpática Juju do blog Casinha de Sonho um presente super legal eu gostei muito, mas meu filho, gente, ele ficou alucinado com o livro, cada hora escolhia um diferente para fazer. 

Ah teve também uma cartinha super gracinha

Vejam que beleza meu presente.



Obrigada Juju, obrigada Ana pela oportunidade.


Feliz 2012 para vocês.

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Bacalhau ao Creme de Mandioca

Ainda nas receitas da ceia do Natal hoje vamos experimentar o bacalhau, que gente, modéstia a parte, ficou MARAVILHOOOOOSO.
Vi esta receita em uma revista na época da páscoa e na mesma hora pensei é este! Guardei a receita e fiquei esperando, esperando, até chegar finalmente o dia de fazer: o Natal.
Na hora que li a receita sabia que não tinha erro, que não tinha como não ficar bom, que não tinha como alguém não gostar, e não pensem que estou exagerando este prato é tudo isto e mais um pouco.
Definitivamente qualquer coisa que eu falar sobre ele é pouco para descrevê-lo, então é melhor vocês experimentarem e me contarem depois.
Então bora para cozinha que hoje vamos fazer um bacalhau digno dos Deuses.


Para 10 pessoas:
02 kg de bacalhau do porto dessalgado
1,5 kg de mandioca cozida e espremida
02 xícara de chá de azeite extra virgem
200 ml de leite de coco
03 caixas de creme de leite
10 cebolas médias em rodelas
100 gramas de azeitona preta sem caroço
400 gramas de requeijão cremoso
salsa para decorar
Modo de fazer: Afervente o bacalhau dessalgado, escorra e desfie em lascas grandes. 
Coloque no liquidificador a mandioca espremida, o leite de coco e 02 caixas de creme de leite, bata até obter um creme liso.
Em uma panela coloque 01 xícara de azeite e refogue o bacalhau, misturando com cuidado para incorporar o azeite no bacalhau, mas cuidado para não 'quebrar as lascas'. Reserve.
Na mesma panela coloque o restante do azeite e doure as cebolas até caramelizar. Retire e reserve.
Na mesma panela coloque o requeijão e 01 caixa de creme de leite, mexa até incorporar os dois ingredientes. Desligue.
Em um refratário untado com azeite extra virgem monte da seguinte forma: creme de mandioca,  bacalhau, cebola e o creme de requeijão. Polvilhe a salsa e coloque as azeitonas pretas.
Leve ao forno médio, pré aquecido por 30 minutos ou até gratinar.

Dica: Se quiser pode polvilhar queijo parmesão em cima do creme de requeijão.
Eu não gosto do bacalhau totalmente sem sal, por isto não uso sal na receita, para dessalgar o bacalhau deixo de molho na geladeira durante 36 horas trocando a  água a cada 03 horas. Escaldo com água fervendo, jogo a água fora e somente após é que coloco para aferventar.






quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Pimenta Cambuci ao Molho de Camarão Dourado

Na minha ceia, claro, teve alguns pratos inspirados nas minhas amigas blogueiras, um deles foi a pimenta cambuci recheada.

Vi esta receita no blog da Tati do Panelaterapia e na mesma hora sabia que ia fazer, simplesmente adorei a receita.

Então para ceia do Natal, logo disse 'ah esta pimenta recheada não vai poder faltar', pensei em que recheio usar e optei pelo camarão e gente ficou muuuuuito bom, esta pimenta é uma verdadeira delícia, sabor mais suave que o do pimentão, ah... não arde.

E o melhor, a pimenta, como já disse a Tati, acelera o metabolismo, então queima calorias, já viu prato melhor?!

Então bora para cozinha que hoje vamos fazer pimenta recheada que você vai comer e repetir.


25 pimentas cambuci lavadas

Para o molho:
500 gramas de filé de camarão (sem casca e sem cabeça)
suco de 01 laranja e 1/2
03 colheres de sopa de mostarda
sal e pimenta a gosto
02 colheres de sopa de azeite extra virgem
02 dentes de alho espremidos
01 colher de sopa rasa de farinha de trigo

Modo de fazer: Faça uma tampinha nas pimentas retire toda a semente (ela é que arde, por isto tem que retirar). Reserve a pimenta e a tampinha.

Em uma panela coloque o azeite, o alho, deixe fritar, quando o alho começar a dourar coloque a farinha de trigo, misture bem, acrescente o suco de laranja e a mostarda, deixe por 03 minutos mexendo sempre, coloque os camarões o sal a pimenta, misture e deixe o camarão cozinhar (aqui demorou +/- 7 minutos). Desligue e deixe esfriar.

Unte um refratário com azeite, recheie a pimentas com o auxilio de uma colher de café, coloque a tampinha. Leve ao forno médio pré aquecido por 30 minutos.

Dica: O molho de camarão tem que ser bem encorpado, é como se fosse apenas para dar liga ao camarão, pois se ficar com caldo na hora de levar no forno escorre.


segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Salada Verão

Bom dia. Como passaram de Natal. Espero que tenha corrido tudo bem. Por aqui foi tudo bem.
A ceia de Natal foi por minha conta e esta semana postarei para vocês o que fizemos (eu e minha mãe) para a ceia.
Hoje vamos experimentar a salada. Aproveitando o calor resolvi fazer uma salada bem refrescante a base de abacaxi e que vai bem com vários tipos de carne. Ah e é uma verdadeira delícia. 
Todos comeram e aprovaram e vocês não poderiam ficar sem experimentar.
Então bora para cozinha que hoje vamos comer da salada verão que fiz para a ceia de Natal.


Receita para 04 pessoas:
01 abacaxi médio
200 gramas de Kani picado em tirinhas finas
04 colheres de sopa de salsão picado
01 pote de iogurte desnatado
01 xícara de chá de curry em pó
01 colher de chá de sal
02 colheres de sopa de hortelã fresco picadinha
03 colheres de sopa de castanha de caju
01 talo de alho poró picado em rodelas finas para decorar
Modo de fazer: Pique o abacaxi em cubinhos, coloque em um escorredor e deixe escorrer por 01 hora
Depois de bem escorrido, coloque o abacaxi em uma vasilha e misture o Kani, salsão, iogurte desnatado, curry, o sal, a hortelã, a castanha de caju.
Transfira para um travessa aberta, coloque o alho poró ao redor para decorar.

Dica: Outra sugestão é servir a salada dentro da casca do abacaxi, neste caso corte uma tampa no abacaxi no sentido do cumprimento, retire bem a polpa (deixando apenas 1/2 dedo de polpa no abacaxi), pique e deixe escorrendo e reserve a casca. Depois de misturar todos os ingredientes da salada distribua no abacaxi. Não fiz assim, pois fiz em maior quantidade. 
Se a castanha de caju que utilizar já for salgada diminua a quantidade de sal  pedida na receita para 1/2 colher de chá.

sábado, 24 de dezembro de 2011

Meu Pedido: Que todas vocês tenham um Feliz Natal!!!




Querido Papai Noel,

Neste Natal para todas minhas amigas quero:

Quero ver vocês não chorarem
Não olharem pra trás
Nem se arrependerem do que fazem

Quero ver o amor vencer
Mas se a dor nascer
Vocês resistirem e sorrirem

Se vocês podem ser assim
Tão enormes assim eu vou crer
Que o Natal existe
Que ninguém é triste
Que no mundo é sempre amor

Bom Natal um feliz Natal
Muito amor e paz pra vocês
Pra vocês...

Um Santo Natal para vocês

Fê Dayrell

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Pão de Coalhada e Mel

A mania de querer virar padeira ainda continua por aqui. E o eleito da vez foi um pão que vi no blog da simpática Vivian, o Temperaria (se você ainda não conhece não imagina o que esta perdendo).

No dia que a Vivian fez este pão eu só tive uma certeza, eu também ia fazer, o pão parecia ser muito bom, quase que deu para sentir o aroma enquanto lia o post...

Pois é resultado, eis o meu pão. Fiz uma modificação pois não tinha iogurte integral em casa, aí resolvi usar coalhada, e ficou muito bom.

Então bora para cozinha que vamos fazer um pãozinho para o lanche.



200 g de farinha de trigo
120 g de farinha de trigo integral
5 g (1 colher de chá) de fermento biológico seco
80 ml de água morna
2 colheres (sopa) de mel
15 g de manteiga sem sal amolecida
50 ml de coalhada natural
1/2 colher (chá) de sal

Modo de fazer: Peneire as farinhas e misture-as com o fermento e o sal.

Misture a manteiga, o iogurte e o mel. Adicione à mistura de farinhas. Adicione a água aos poucos, incorporando na massa, sovando até que fique uma massa lisa e homogênea, soltando das mãos. Sove bem. 

Modele seu pão (eu fiz no formato de meia lua) e coloque numa forma untada e enfarinhada. Deixe crescer num local abafado (deixei dentro do forno) até que dobre de tamanho (assim como a Vivian deixei de um dia para o outro, pois aqui estava chuvoso no dia que fiz). 

Faça cortes diagonais na superfície do pão e pincele com leite. Leve para assar em forno pré-aquecido a 200 graus até que fique dourado. No meu forno demorou 50 minutos.

Retire do forno e coloque numa gradinha para esfriar. 

Dica: A receita original leva iogurte integral ao invés de coalhada.

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Legumes Assados

Estes legumes também vi no programa do Jaime no GNT confesso que fiquei curiosa com a mistura de temperos que ele utilizou, mas o que realmente me surpreendeu foram os sabores dos legumes, gente fica muito bom.

Não é um prato complicado de fazer e a criatividade conta muito para a variação de legumes de temperos que você pode utilizar. Na hora, não tinha todos os legumes por ele utilizados, assim fiz algumas adaptações, mas que combinaram muito bem com as misturas de temperos.

Então bora para cozinha que hoje vamos fazer legumes assados e você vai se surpreender.


01 cenoura grande cortada na diagonal
02 batatas cortadas em rodelas
02 xícaras de chá de abóbora cortadas em pedaços grandes
06 dentes de alho espremidos
suco de 1/2 laranja
02 colheres de sopa de vinagre de maçã
02 colheres de sopa de aceto balsâmico
salsa (usei 01 colher de café do seco)
alecrim (usei 01 colher de café do seco)
manjericão (usei 01 colher de café do seco)
azeite extra virgem q.b.

Modo de fazer: Em uma panela com água coloque as cenouras descascadas e picadas, leve ao fogo, assim que começar a ferver marque 10 minutos, retire e reserve. Repita o mesmo processo com as batatas. Com as abóboras, repita o mesmo processo, mas deixe 07 minutos.

Unte um refratário com azeite e reserve.

Em uma vasilha coloque a cenoura, acrescente o suco de laranja, dois dentes de alho espremidos, 01 colher de sopa de azeite e a salsa, misture bem e coloque no refratário.

Em um vasilha coloque a batata, acrescente o vinagre de maçã, dois dentes de alho espremidos, 01 colher de sopa de azeite e o alecrim, misture bem e coloque no refratário.

Em uma vasilha coloque a abóbora, acrescente o aceto balsâmico, dois dentes de alho espremidos, 01 colher de sopa de azeite e o manjericão, misture bem e coloque no refratário.

Leve ao forno pré-aquecido, por 30 minutos. Forno a 220º.

Dica: Usei as ervas secas pois era as que tinha em casa na hora, mas o ideal é que sejam ervas frescas.




quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

E o Livro 'Saladas' vai para.... (Resultado do Sorteio)

Bom dia!! Hoje finalmente o resultado do sorteio do livro 'Saladas', gente o livro é realmente muito bom, tenho certeza de que quem ganhar vai gostar muito.

Mas vamos lá tivemos, 12 comentários válidos no post:

                     1- Maria de Lourdes Ruiz
                     2- Andréa
                     3- Josy
                     4- Mirian
                     5- Iliane
                     6- Renata Boechat
                     7- Karina Batista
                     8- Lucinha Duarte
                     9- Márcia Cristina
                    10- Márcia Cristina Cardinali
                    11- Lylia Diogenes
                    12- Maria Tereza Maranhão

E o numero sorteado foi:

    
10
(Dez)


Maria Cristina Cardinali

Parabéns, vou lhe enviar um e-mail para você ainda hoje.


terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Carne Cozida com Cerveja Preta

Já estava querendo fazer esta carne a um bom tempo, é mais uma receita da revista 'Receita Minuto', engraçado é que  sempre cozinho carne na cerveja mas ainda não tinha utilizado a cerveja preta, e não me perguntem porque.

O resultado me agradou muito, fica com uma cor forte bem escura e com um sabor agradável com um leve adocicado no final que harmonizou perfeitamente com a carne, vou repetir mais vezes com certeza.

Então bora para cozinha que hoje o almoço vai ser delicioso.


01 kg de carne para cozinhar (usei patinho) picada em pedaços médios
02 colheres de sopa de mostarda amarela
sal e pimenta a gosto
02 cebolas brancas picadas em pétalas grosas 
01 lata de cerveja preta 
1/2 medida (da lata de cerveja) de água.
03 colheres de sopa de óleo

Modo de fazer: Tempere a carne com o sal a pimenta e a mostarda, deixe descansar por 20 minutos.

Em uma panela de pressão coloque o óleo e refogue a cebola, quando estiver transparente coloque a carne e refogue bem (aqui foram uns 15 minutos). Acrescente a cerveja preta, a água, tampe  e deixe dar pressão, quando começar a chiar marque 40 minutos, desligue, deixe a pressão sair e verifique se a carne esta cozida.

Se estiver cozida retire a carne da panela, (se não estiver cozida volte com a carne para a pressão por mais alguns minutos) colocando em uma travessa. Volte com a panela com o molho para a o fogo e coloque farinha de trigo para dar uma leve engrossada no molho (usei 1/2 colher de sopa), deixe ferver até a farinha de trigo cozinhar (aqui demorou 05 minutos), coloque o molho em cima da carne.

Dica: Pode fazer com qualquer carne, se for carne que não necessita de pressão, colocar a água aos poucos.


segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Batata Assada - A melhor do mundo


Semana passada, acho que no domingo, estava assistindo o canal GNT quando apareceu a chamada do programa do Jaime era um programa com comidas para o natal e o cardápio anunciado me deixou muito curiosa, pois ele disse que iria fazer a melhor batata assada do mundo, claro que fiquei esperando para ver o que iria surgir das panelas do Jaime.

Pois é, ele fez uma batata assada de uma forma bem diferente do que estava acostumada a fazer e que me deixou com água na boca. Resultado fui para cozinha fazer aquela batata.

Usei os ingredientes que tinha em casa e optei por fazer com manteiga, que também foi a opção preferida do Jaime, apesar dele ter feito as batatas, além da manteiga, com azeite e com gordura de ganso.

Esta batata é realmente a MELHOR BATATA ASSADA DO MUNDO, gente, vocês não imaginam, crocante por fora e macia por dentro, o gostinho da manteiga bem incorporado a batata, juntamente com o alho e as ervas, hum.... definitivamente a melhor do mundo.

Então bora pra cozinha que hoje você vai experimentar a melhor batata assada do mundo.



05 batatas grandes descascadas e cortadas em rodelas de =/- 1 dedo (a indicada é aquela da casca rosada)
Manteiga q.b.
Ervas diversas a gosto (usei alecrim, cebolinha, salsa, manjericão, louro)
Sal a gosto
06 dentes de alho inteiros e sem descascar
Utensilio necessário: amassador de batatas

Modo de fazer: Coloque as batatas na água fria, coloque sal e leve ao fogo, quando começar a ferver marque 10 minutos e desligue. Escorra.

Em uma assadeira untada com manteiga coloque as batatas arrumadas uma ao lado da outra, e leve ao forno a 200º por 30 minutos.

Retire do forno, mas não desligue o forno, com o amassador de batatas amasse levemente cada uma das rodelas de batata (como mostro na foto abaixo), quando tiver terminado de amassar todas reserve.

Em uma vasilha misture manteiga, as ervas e um pouco de sal, coloque um pouco desta mistura em cima das de cada uma das batatas, coloque os dentes de alho por cima.

Leve ao forno novamente por 50 minutos. Forno a 220º.

Dica: Se você não tiver amassador de batatas use o espremedor de batatas como eu fiz, não é ideal, mas deu para fazer.



sábado, 17 de dezembro de 2011

Pão com Linguiça e Bacon

Alguns muitos dias atrás a talentosa Fabíola do Brie com Goiabada fez um pão com linguiça que confesso, me deixou sem dormir pensando na gostosura por muitos e muitos dias.

Com aquele pão que não saia da minha cabeça voltei a me aventurar pelas terras das padarias e levando comigo a receita da Fabíola.

Durante todo o preparo do pão fiquei imaginando em como seria o sabor e acredite foi difícil esperar este pão assar, ficava toda hora em volta do forno, igual criança (rsss).

Ah, como não poderia deixar de ser fiz duas pequenas modificações no recheio, pus bacon e usei linguiça com pimenta e foi perfeito.

Então bora para cozinha que vamos ter hoje um pão com linguiça e bacon que ficou.....espetáculo.


Massa:


01 ovo
25 gramas de fermento fresco
1 colher de sopa de manteiga ou margarina
2 colheres de sopa de óleo
2 colheres de sopa de açúcar
1/2 colher de sal de café
1 copo de leite morno
mais ou menos 500 gramas de farinha de trigo
1 gema para pincelar os pães

Recheio:

4 gomos de lingüiça fresca suína (usei com pimenta)
150 gramas de bacon picadinho
2 cebolas em cubinhos

Modo de preparo: Comece com o recheio: em uma panela frite o bacon em 02 colheres de sopa de óleo, enquanto isto pegue as lingüiças, tire a carne daquela película que a envolve (tripa) e reserve, quando o bacon estiver frito coloque a carne da linguiça na panela e frite mexendo com um garfo para a carne ficar bem soltinha. Coloque um fiozinho de água se estiver queimando no fundo da panela.

Acrescente as cebolas. Deixe cozinhar um pouco para secar a água, corrija o sal se necessário. Despeje o recheio em uma peneira para retirar o excesso de molho. Isso evita que a massa molhe e que o seu pão fique crú por dentro. Reserve.

Para a massa:

Separe um pouco de farinha em um recipiente. Reserve. Dissolva o fermento no açúcar e coloque-o no liquidificador juntamente com os outros ingredientes e bata até misturar tudo.

Despeje o conteúdo do liquidificador no recipiente com farinha e misture. Vá acrescentando mais farinha até a massa desgrudar das mãos. Coloque a massa na bancada para amassar mais fácil. Sove bem e divida a massa em duas partes para dois pães grandes.

Jogue um pouco de farinha na bancada, para abrir a massa, abra a massa em forma de retângulo com a ajuda de um rolo, recheie, enrole como um rocambole e dobre as pontas para baixo para o recheio não sair. 

Disponha os pães em formas untadas com manteiga e deixe crescer até dobrar de volume. Pincele os pães com a gema e coloque no forno pré-aquecido a 180 C para assar até corar (30 minutos mais ou menos). 


Dica: Se quiser pode colocar semente de linhaça ou gergelim em cima do pão para decorar.
Para saber o ponto de crescimento da massa pegue uma bolinha de massa e coloque em um copo com água quando a bolinha subir pode colocar no forno.


ATENÇÃO: ÚLTIMOS DIAS PARA O PARTICIPAR DO SORTEIO, SE AINDA NÃO ESTIVER PARTICIPANDO CLIQUE AQUI.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Bacalhau Gratinado

Hoje chegando um 'cadinho' mais cedo. É por que vamos ter bacalhau e o preparo demora um pouquinho mais, mas vale a pena, ah como vale.

Além de saboroso o prato de hoje é um excelente opção para fazer na ceia de Natal, este bacalhau fica  suave, leve. E o leite de coco dá um sabor incrível ao prato, tenho certeza que vocês vão comer, repetir e fazer de novo.

Então bora para cozinha que vamos ter que colocar o bacalhau de molho para fazer esta delícia.




Para 04 pessoas:

700 gramas de bacalhau (usei em lascas) dessalgado
800 gramas de batata
200 ml de leite de coco
01 cebola média ralada
150 gramas de azeitonas verdes ou pretas 
azeite extra virgem
sal a gosto
02 colheres de sopa de salsa ou coentro picado
150 gramas de queijo muçarela

Modo de fazer: Coloque o bacalhau já dessalgado em uma panela com água para aferventar. Após escorra a água, desfie em lascas menores e reserve.

Coloque a batata para cozinhar em uma panela com água com um pouco de sal (usei 01 colher de sopa rasa). Após cozidas, espremas as batatas como se fosse para purê. Reserve.

Em uma panela coloque azeite até cobrir o fundo, refogue a cebola ralada, quando estiver transparente coloque a batata e o bacalhau, misture bem para incorporar. Acrescente o leite de coco e as azeitonas, misture, acerte o sal deixe mais uns 05 minutos no fogo baixo e retire. Acrescente a salsa ou coentro, misture.

Em um refratário, coloque a mistura de bacalhau feita, regue com azeite, coloque a muçarela por cima. Leve ao forno por 25 minutos.

Sirva com arroz e uma salada verde.

Dica: Para dessalgar o bacalhau deixe-o de molho de um dia para o outro em água gelada, trocando a água a cada 3 horas, deixar dentre da geladeira. Se for bacalhau em lascas 6 horas são suficientes para dessalgar, trocando a água gelada a cada 3 horas, também dentro da geladeira.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Costela Assada na Cebola

Gente esta correria de final de ano esta acabando comigo é tanta coisa para fazer, colocar o trabalho acumulado em ordem, ufa.

Mas vamos lá, estava com um costela no freezer precisando ser consumida mas eu queria assa-lá ao invés de cozinhar, acho que fica mais saborosa, apesar da textura as vezes não ser a ideal. Comentando isto com uma conhecida ela me disse que toda vez que fazia costela assada cozinhava na pressão antes de levar ao forno para que a carne ficasse mais macia.

Na hora que ela falou isto já acendeu um luzinha na minha cabeça: claro! por que não conversei com ela antes.

Resultado, corri para minha cozinha para testar e gente, fica muito bom. Muito mais macia e suculenta por dentro e crocante por fora, uma verdadeira delícia.

Tenho uma amiga que fala que se todos gostassem de costela como ela, costela era vendia a preço de picanha, então o almoço de hoje vai ser em homenagem a Vanzinha, pois ficou esta costela ficou de babar, comer, e pedir mais.

Então bora para cozinha que com certeza você não vai se arrepender de comer esta costela.



01 kg de costela gaucha (usei o pedaço sem cortar)
01 cebola média cortada em cubinhos
06 dentes de alho espremidos
suco de 02 limões
sal e pimenta a gosto
01 cebola grande picado em rodelas grandes
óleo
azeite para untar.

Modo de fazer: Tempere a costela com o suco de limão, o sal, a pimenta e coloque por cima o alho espremido e a cebola picadinha. Deixe descansar por 40 minutos.

Em uma panela de pressão, coloque 02 colheres de sopa de óleo, deixe esquentar um pouco, refogue a costela com a cebola e o alho, deixe refogando por 10 minutos, acrescente água suficiente para cozinhar na pressão por 30 minutos, tampe. Quando der pressão marcar 30 minutos desligar, retirar a pressão e reservar.

Em uma assadeira untada com azeite, disponha as cebola em rodelas no fundo, fazendo uma caminha de cebola, coloque a costela por cima, coe o caldo do cozimento da carne, se tiver, para separar a cebola e jogue a cebola picadinha por cima da costela, reque com 01 concha do caldo. 

Leve ao forno médio por 50 minutos.

Dica: Na minha não sobrou, mas se sobrar muito caldo guarde para usar em outros pratos que pedirem caldo de carne.




quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Conchiglione de Calabresa e Bacon ao Molho Rosé

Bom dia!!! Cheguei tarde né? Mas já é a correria de final de ano tomando conta de tudo.

Mas vou compensá-las, na minha cozinha hoje vamos ter um conchiglione que modéstia a parte, ficou.... hum..... de comer rezando. 

Não é difícil de fazer, mas requer um tempinho para rechear a massa, mas vale a pena, ah isto vale.

Então bora para cozinha que o cardápio de hoje promete.



Para 04 pessoas:
01 pacote de conchiglione

Para o recheio:
01 xícara de chá de bacon picadinho
01 calabresa média ralada
01 cebola média ralada
01 colher de sopa de farinha de trigo
1/2 xícara de chá de leite
manjericão a gosto (usei fresco, mas pode usar seco)

Para o molho rosé:
1/2 lata de tomates pelados
04 colheres de sopa de creme de leite
01 colher de chá de açúcar
sal a gosto
azeite

Modo de fazer: Cozinhe o conchiglione conforme instruções do fabricante. Reserve.

Em uma panela frite o bacon e a calabresa (+/- 10 minutos), quando estiverem fritos, cole a cebola e deixe até ficar transparente, acrescente o leite misturado com a farinha de trigo, deixe ferver para engrossar bem (o recheio deve ficar bem denso), desligue, acrescente o manjericão, misture. Recheie os conchigliones.

Em um panela coloque azeite, deixe esquentar um pouco, coloque os tomates pelado, um pouco de água, o açúcar, o sal amasse um pouco os tomates para eles ficarem em pedaços menores, deixe ferver por uns 08 minutos, acerte o sal  se necessário. Desligue, coloque o creme de leite e misture.

Montagem do prato: Em um refratário coloque metade do molho, disponha os conchigliones já recheados por cima, coloque o restante do molho em cima de cada conchiglione, polvilhe queijo parmesão ralado a goto. Leve ao forno antes de servir para derreter o queijo.

Dica: O ideal é que o recheio e o molho estejam prontos quando colocar a massa para cozinhar, para poder rechear a massa ainda morna.

Ao invés de montar na travessa, pode esquentar o molho na panela e montar direto no prato, seguindo a mesma ordem: molho, massa,  molho por cima da massa e parmesão, neste caso não leve ao forno.





terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Lombo Grelhado ao Molho de Limão

Olá pessoas, bom dia!!!!

Ontem não teve receita aqui na minha cozinha, mas foi por causa do concurso que começou no sábado, para que todos pudessem ver e participar. (olhem o link ai no lado direito).

Mas hoje estou de volta com um prato que vou contar uma estória, literalmente profano, pecado de tão bom.

Estava vasculhando o Comida do Dia e me deparei com um receita que me despertou o interesse e atiçou minha curiosidade para experimentar, salmão ao molho de limão.

Como estava quase louca de curiosidade para experimentar o molho de limão, mas em casa não tinha salmão e eu estava sem tempo para ir comprar, resolvi fazer com uns bifes de lombo que tinha e que pensei que molho combinaria muito bem.

Gente, decisão muito acertada a minha, vocês não calculam o sabor que é este molho e o sabor dele com a carne é... para resumir, indescritível.

Então bora para cozinha, que eu tenho certeza que você não vai deixar de fazer este prato.


Para 04 pessoas:
04 bifes de lombo de porco
sal e pimenta do reino moída a gosto
azeite extra virgem 

Para o molho de limão:
100ml (meia caixinha) de creme de leite
01 colher de sopa de mostarda
02 colheres de sopa de suco de limão 
02 colheres de sopa de azeite  
1/2 colher de chá de mel
Sal à gosto

Modo de fazer: Tempere os bifes de lombo com o sal e a pimenta do reino preta, unte-os com azeite e reserve.


Leve ao fogo uma frigideira antiaderente, quando a frigideira estiver quente, coloque bifes de lombo, deixe grelhar (aqui em casa foram 15 minutos de cada lado) para que fiquem dourados em todos os lados. Reserve.


Misture numa vasilha o creme de leite, a mostarda, o mel, o sal, o azeite e o suco de limão. Coloque em cima do lombo já grelhado e sirva.


Dica: Se quiser pode misturar 01 colher de sopa de cebola roxa picada em cubos bem pequenos no molho, ou jogar por cima como eu fiz para decorar.